Buscar
  • Antonino de Sousa

pequenos grandes gestos

Este tempo desafia-nos a olhar para o essencial!


No fundo perceber que o mais importante não é apenas construir, que o mais importante não é apenas o que fazemos, embora tudo tenha o seu valor, mas que o mais importante será sempre a pessoa e tudo aquilo que ela comporta: a sua dignidade.


Não podemos perder de vista o imperativo fundamental que a pessoa humana, é uma pessoa com dignidade, com respeito e com consciência.


Hoje nós vivemos numa grande mudança da história, nós sentimos isso. Somos determinados por entidades que não sabemos quem são e onde tudo parece que tem de ser de uma maneira só.


Há, de facto, uma visão ou ideia que o próprio Jesus nos ensina a construir ao longo do caminho: uma visão onde a pessoa humana está no centro, a pessoa humana com a sua fragilidade, a sua dificuldade está no centro de tudo.


Que os nossos pequenos gestos, mas cheios de sabor e de sentido acrescentem maior valor à fragilidade humana.




74 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo