Buscar
  • Antonino de Sousa

o hoje da santidade

Todos somos chamados a ser santos, através das ocupações de cada dia, onde cada um se encontra.


Estás casado? Sê santo, amando e cuidando do teu marido ou da tua esposa. És um trabalhador? Sê santo, cumprindo com honestidade e competência o teu trabalho ao serviço dos irmãos. És avô ou avó? Sê santo, ensinando com paciência as crianças. Estás investido de autoridade? Sê santo, lutando pelo bem comum.


Às vezes o que falta à nossa vida é a simplicidade, é acreditar que temos a capacidade necessária para sermos santos. Porque a santidade não é um pódio, não é para os primeiros da classe, não é para os avançados, aqueles que são colocados à parte e chamados de puros.


Os santos andam a lavar os pés à Humanidade. Os santos andam a carregar os seus pesos, os santos andam a fazer rir, os santos andam a levar o saco das compras, os santos andam mais devagar para ir ao lado dos outros. Os santos falam, os santos calam, os santos cozinham, os santos jejuam, os santos fazem festa, os santos visitam prisões e hospitais. Os santos são os semelhantes a Deus.




27 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo